28/09/2009

Eu estava lá

Encontrei o Chico Espina na fila de um restaurante, sexta-feira à noite. Apesar de o termos entrevistado há quase um mês, ele prontamente se lembrou de mim e cobrou:

- Ó não se esqueçam de mim, quando tiver pronto eu quero uma revista.

- Pode deixar.

Apresentei meu pai para o Chico. O velho morava no Rio, em 79. Assistiu no estádio a grande partida da vida dele.

- Eu tava no Maracanã naquela noite.

- Bah, aquele jogo foi... – faltaram palavras pro ponteiro-direito e eu me emocionei.

3 comentários:

  1. Bonito!

    Na verdade, foi o jogo que fez a carreira do cara. Um amigo do meu pai jura que o Chico Espina foi reserva dele no Rosário, mas não importa: foi campeão brasileiro, invicto, com atuação de luxo na final.

    ResponderExcluir
  2. rafael botafoguense30 de setembro de 2009 21:29

    irado a narração!

    ResponderExcluir